O que é um orçamento de obras e para que serve?

orçamento de obras

O que é Engenharia de Custos?

A Engenharia de Custos é a área de conhecimento responsável pelo estudo de conceitos e práticas relacionadas aos custos de uma obra ou de um serviço.

E uma das ferramentas que mais se relaciona com a Engenharia de Custos é o Orçamento de Obra.
O Orçamento é uma ferramenta de planejamento que tem como objetivo principal prever o custo total de uma obra, antes do início das atividades propriamente ditas.

Objetivo da Engenharia de Custos

O objetivo da engenharia de custos é minimizar erros, isso significa que o orçamento de uma obra não é preciso, não acerta na vírgula o custo total para execução de uma construçã.

No entanto, o que se espera de um bom orçamento é que ele abranja o máximo possível de informações e torne o custo cada vez mais próximo da realidade.

Não é à toa que na língua espanhola orçamento é designado por “presupuesto”, que significa previsão.
O profissional que atua nesta área normalmente é conhecido como Engenheiro Orçamentista ou o Gestor de Custos.

Orçamentista & Gestor de Custos

A diferença destes dois tipos de profissionais está basicamente no limite de atuação.
O orçamentista normalmente elabora os orçamentos, durante a fase de planejamento da obra em questão, enquanto que o Gestor de custos além de ter o conhecimento para elaborar um orçamento, faz o acompanhamento do custo real, ou seja, ele atua tanto no planejamento quanto no controle, durante a fase de execução da obra.

 

Independentemente de ser um orçamentista ou um gestor de custos, todo profissional que atue na Construção civil deve pelo menos saber o que é e para que serve um Orçamento de Obra.
Em um grau maior de conhecimento, deve saber como se elabora e principalmente como se analisa esta ferramenta!

Isso porque o nosso mercado está cada vez mais exigente e para ser competitiva perante seus concorrentes, uma empresa necessita de profissionais que saibam atuar na viabilização dos negócios, tornando a construção cada vez mais enxuta.

Mas qual a importância de um Orçamento de Obra?

Vamos lá, garanto que você vai se surpreender:

  • Previsão do custo total de uma obra, antes dela sair do papel;
  • Permite conhecer as quantidades de cada serviço a partir dos projetos;
  • Previsão de TODOS os insumos aplicados em cada etapa da obra;
  • Permite o planejamento de recursos (materiais, mão de obra, equipamentos, equipe administrativa) do início ao fim da obra;
  • Permite a criação de uma boa base de insumos e composições próprias para a empresa, o que torna ela cada vez mais competitiva perante seus concorrentes;
  • É possível controlar as compras, comparando as quantidades e os custos unitários contratados em relação ao que foi orçado;
  • Permite que a obra evolua sem surpresas, com o recurso disponível na quantidade certa e na hora certa, evitando atrasos. A longo prazo este controle cria confiança nos clientes e credibilidade perante o mercado;
  • Viabilizar negócios! Quando se sabe quanto de capital será investido é possível ajustar o projeto e torna-lo viável, dentro das perspectivas de ganho que o investidor deseja ter no negócio.

Viu só?

Posso dizer que hoje é praticamente impossível se pensar em uma obra sem um orçamento!

É preciso desenvolver esta cultura do planejamento mesmo nos pequenos projetos, para assim tornar possível que ao término da obra, a construtora tenha tido retorno econômico igual ou maior do que esperava. Em outras palavras, ter lucro!

Fique ligado nos próximos artigos, vamos falar das técnicas e passo-a-passo que o Engenheiro orçamentista deve dominar na hora de elaborar seu Orçamento.

Te aguardo lá!

Eng. Luanna Drumond
Eng. Civil CEFET/MG
Pós Graduada em Engenheria de Custos IBEC
Gestora de Custos – BID Gerenciamento

 

Murilo Barbosa

Murilo Barbosa

Atuou no Pentágono (USA), Metro SP Linha Amarela, Hidrelétrica RJ/MG (UHE Simplício), P. Central Hidrelétrica (Sítio Grande/BA) e em outras obras de infraestrutura no Brasil; Mais de 50 clientes recorrentes; Atuação plena em mais de 12 Projetos de empreendimentos imobiliários | • Engenheiro civil formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); • MBA em Gestão de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV); • Especialista em Estudos de Viabilidade Econômico Financeira pela Universidade de São Paulo (USP); • Sócio da BID Gerenciamento e Planejamento, criada em 2014 como Consultor de Planejamento e Controle de Obras.

Deixe seu comentário

Inscreva-se em nossa Newsletter

WhatsApp chat

Junte-se a nós

INSCRIÇÕES ABERTAS

Mais de 30 horas de vídeos exclusivos para profissionais da construção civil

Junte-se a nós

INSCRIÇÕES ABERTAS

Mais de 30 horas de vídeos exclusivos para profissionais da construção civil